unraccord

Víctor Erice, o sonho da luz




Obrigado Antonio López e Víctor Erice por este filme:







excelentes respostas de Víctor Erice no ípsilon (Público) de 13 Setembro 2013.
Respondeu por e-mail ao questionário do jornalista Jorge Mourinha:


Alessandra Benedetti (c) Corbis




"O Cinema talvez seja a linguagem mais misteriosa
que existe. Tem uma imagem social juvenil, apolínea, 
mas sinto-o como uma arte do crepúsculo.
O cinema nasceu quando o homem já era velho."

"Em La Morte Rouge falo da primeira experiência como espectador de um menino no ano de 1946. Nela, o cinema aparece como a revelação de um mistério. E tentei, de certo modo, respeitá-lo"


"quando era mais novo, acreditava muito na beleza da imagem, mas hoje creio mais na justeza do plano.
O cinema não é uma questão de imagens, mas sim de planos. A beleza de um plano, a sua justificação, a sua justeza, é algo de muito diferente da beleza de uma imagem. "



Poder-se-ia dizer que filmar é pintar com o tempo?
"Filmar implica uma operação muito diferente de pintar. Sem dúvida, a pintura também expressa o tempo.
Mas é a linguagem do cinema que contém o tempo, como se fosse um recipiente, e incorpora na sua expressão, para lá do movimento, um elemento novo: o correr, a duração.
A fotografia, primeiro, e o cinema depois, mudaram o estatuto da imagem que durante séculos pertenceu à pintura. É um fenómeno que explica a evolução da pintura moderna, a aceleração e a decomposição das suas formas. Mas, em qualquer caso, o cinema deve muitíssimo à pintura."


De que precisa então o hoje o cinema para sobreviver?
"Do mesmo de sempre: beleza e verdade"


não acredito em mestres, mas que os há, há.
Erice é um grande exemplo.





Ainda na mesma edição do ípsilon, artigo de Luís Miguel Oliveira 
sobre a excelente edição da Midas Filmes da caixa DVD 
com a obra cinematográfica de Víctor Erice.
 (curtas, longa-metragens e um documentário)


é de um encantamento admirável ouvir Víctor Erice a falar de filmes e cinema.

links para as sessões na Cinemateca Portuguesa:

"a história do cinema é a história de uma relação" 

https://www.facebook.com/photo.php?v=10151863513464271

https://www.facebook.com/photo.php?v=10151863535709271