unraccord

Exposição de Thomas Struth

Thomas Struth: fotografias 1978 - 2010
grande e magnifica exposição que está patente no Museu de Serralves até 29 Janeiro 2012

photo by Thomas Struth

Thomas Struth (1954) é um fotógrafo alemão da Academia de Düsseldorf reconhecida escola pelo seu rigor objectivo da realidade, orientada pelos fotógrafos e professores Bernd e Hilla Becher.
Esta exposição retrospectiva da sua obra, reúne mais de uma centena de fotografias e ocupa uns dois terços do museu de Serralves, e há duas coisas que impressionam de imediato, o enorme formato de algumas fotografias, uma escala que resulta muito bem para ver em museus e o extraordinário rigor da impressão (Cor e PB). Está organizado pelas séries: Ruas, Famílias, Museus, Públicos, Lugares de Culto, Novas Imagens do Paraíso (Florestas) e Novos Trabalhos (Espaços tecnológicos). Destas destaco a série Famílias, Museus e Novas Imagens do Paraíso (Florestas) pela escala e envolvimento que estas imagens proporcionam. O contacto com estas imagens provocam um desencanto sobre o mundo, da Europa à Ásia, passando pela América (Norte e Sul) tudo parece muito semelhante, o mundo globalizado tornou-se um enorme museu e nós somos os actores, criadores e espectadores desse mundo-museu. A objectividade acutilante destas imagens congela a realidade (tempo e espaço) em várias redomas sobre o nosso mundo. Esta antologia da obra de Struth oferece um panorama visual do admirável, ainda que angustiante, mundo contemporâneo.


imagem de uma das salas de Serralves dedicada às séries: Museus /Públicos
photo Daniel Curval